17 abril, 2013

Resenha - Livraria Limítrofe - O Adeus

Livraria Limítrofe - Alfer Medeiros


Wow!
É bom que vocês saibam o quanto foi difícil fazer essa resenha.
Eu suei a camiseta, coloquei todos os dois neurônios para trabalhar e ainda tenho dúvidas se vou conseguir passar meu sentimento para vocês, na exatidão e ordem do que aconteceu na minha viagem.
Digo viagem porque esse livro é exatamente isso: uma viagem.
A música que me recorda é “O Carimbador Maluco” de Raul Seixas. Certamente, Alfer Medeiros é o carimbador maluco, conduzindo-nos ao ilimitado da Livraria Limítrofe. 

Vou colocar a letra que só vai entender, quem tiver lido o livro. Pode pulá-la, caso não queiras muitas lengas lengas de minha parte:

Carimbador Maluco
Raul Seixas
5... 4... 3... 2...
- Parem! Esperem aí.
Onde é que vocês pensam que vão?
Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!!
Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!!
Tem que ser selado, registrado, carimbado
Avaliado, rotulado se quiser voar!
Se quiser voar....
Pra Lua: a taxa é alta,
Pro Sol: identidade
Mas já pro seu foguete viajar pelo universo
É preciso meu carimbo dando o sim,
Sim, sim, sim.
O seu Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!
Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!
Tem que ser selado, registrado, carimbado
Avaliado, rotulado se quiser voar!
Se quiser voar....
Pra Lua: a taxa é alta,
Pro Sol: identidade
Mas já pro seu foguete viajar pelo universo
É preciso meu carimbo dando o sim,
Sim, sim, sim.
Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!
Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!
Mas ora, vejam só, já estou gostando de vocês
Aventura como essa eu nunca experimentei!
O que eu queria mesmo era ir com vocês
Mas já que eu não posso:
Boa viagem, até outra vez.
Agora...
O Plunct Plact Zum
Pode partir sem problema algum
Plunct Plact Zum
Pode partir sem problema algum
(Boa viagem, meninos.
Boa viagem).

Detalhe: eu não gosto de fazer resenhas muito longas, mas o Livraria Limítrofe e a livraria limítrofe deixam você articulado e falante, pós-leitura. É um efeito colateral. Vou tentar me controlar e ser o mais breve possível, tá?

Para quem gosta de ler, a Livraria Limítrofe, cenário da louca/inteligentérrima história/metáfora de Alfer Medeiros, é o paraíso.

Sem saber, o Alfer escreveu um capítulo todo pra mim. Sério! Não tô brincando! Sem me conhecer, ele escreveu pra mim. Escreveu sobre meus medos, devaneios e me deu respostas. Falo sobre isso mais tarde.

Desculpem desde já minha desordem mental.

Voltemos à livraria.

Ao entrar o recinto, fui saudada pelo livreiro limítrofe, que me apresentou a livraria, sua esposa e o mascote do local: um polvo. Eu não vou descrever a livraria limítrofe. Esse prazer será dado apenas a quem ler o livro. O que posso dizer é que todos os que entraram na livraria tiveram suas vidas mudadas. Ainda que a mudança seja pequenininha, ela está lá. E no meu ponto de vista, todas grandes mudanças começam numa mudança pequenininha.

Depois de conhecer o local, tanto o livreiro, quanto sua esposa (num capítulo pra lá de comovente) me contaram a história de algumas das pessoas que já estiveram na livraria. De como elas foram inspiradas, tocadas após verem e conversarem com vários personagens de livros.

Lembrei do meu amigo parceiro Vinicios, do blog, “Um Jovem Leitor”, porque no capítulo que Alfer escreveu pra mim (sim, insisto mesmo em dizer que foi pra mim) a personagem que sou eu (mesmo que não tenha meu nome) conversa com o detetive mais amado do mundo e o mais amado pelo Vinicios também. Já se deram contam de quem é? Vou dar só as iniciais: H.P.

Cada capítulo é a história de alguém que teve contato com a Livraria.
Recomendo que seja lido um capitulo por dia porque o Alfer é tão articulado... escreve tão bem que pode dar um  nó na sua cabeça se você tentar ler o livro todo de uma vez. Sem contar o aspecto degustação: cada capítulo deve ser lido, sonhado, refletido, relido e retido, na minha opinião.
Não acredito que todo mundo vá gostar desse livro mas acredito que quem gostar, vai amar.
Quem procura o convencional dos livros atuais é melhor fugir dessa leitura. Quem procura o inovador, mergulhe fundo.

Vou deixar com vocês uns trechinhos que fotografei. Fotografei porque achei o visual do livro, uma beleza à parte. Um plus, sabe? Um presente do Alfer pra quem se aventurou. O design do livro é maravilhoso. Coerente com o que é apresentado: um outro portal. Um portal que só se abre para aqueles que lêem.

Um portal pra você e pra mim.

Um beijo estalado na bochecha do Alfer e outro na de vocês!

PS1.: Vocês deveriam dar um beijo estalado nele também porque ele disponibilizou pra vocês um exemplar autografado que estará sendo sorteado aqui, no Livro com Dieta.
PS2.: Possíveis erros gramaticais e ortográficos na resenha, serão revisto com o tempo. Escrevi num rompante e não reli antes de postar.

Página 19


Página 25
( a letra “E” que inicia a palavra existente no parágrafo, fica na página anterior, desenhada...)

Página 74


Página 81

Página 109 – O  Adeus (meu capítulo)




O Livro é capa dura (maravilhosa) e possui uma fitinha de cetim como marca páginas (um luxo!)


Esse é o Alfer Medeiros.


Clique na foto dele e será levado ao seu site, com informações de outros livros.

51 comentários:

  1. Nunca tinha visto uma história como essa... despertou minha curiosidade. Preciso ler o livro KKKKKK' E por acaso, no capítulo que Alfer "escreveu pra você", o detetive é o Hercule Poirot? rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. boa G, Layme!
      É o próprio!
      De resto, só lendo pra crer! É realmente um livro único.
      beijocas

      Excluir
  2. Poxa! Pela resenha a estória parece ser ótima... :)
    Só eu pensei que o detetive fosse Sherlock? rs (Antes de ver as iniciais, né!)
    Nunca tinha ouvido falar no detetive do comentário acima. Vivendo e aprendendo!
    Agora, eis me aqui... À espera do sorteio para ver se aprendo mais com o livro que, logicamente, irei ganhar! :7 hehe

    Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahahaha...
      boa sorte, Mari!
      beijão.
      :)

      Excluir
    2. O sr. Holmes também dá as caras nesse capítulo, viu Mari? rs

      Excluir
  3. Telma parabéns pela resenha, e esse livro é interessantíssimo!!! Estou louco para lê-lo, e com certeza participarei do sorteio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa sorte nele, Oscar!
      Abração em você!
      :)

      Excluir
  4. huumm gostei do livro, parece ser muito interessante, então quero muito ter ele na minha estante! hehehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que quer!!!! :D
      Desejo boa sorte!
      *beijo estalado*

      Excluir
  5. Eu tenho esse livro e considero a coisa mais linda do mundo. O meu é aquele sem capa. Perfeito. Maravilhoso...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahhhh Mey... então você entende o que senti ao ler!
      A capa desse é um luxo.
      Parece a capa de um livro antigo... daqueles que você realmente encontraria na Livraria Limítrofe!
      ;)

      Excluir
    2. Mey, essa primeira edição sem capa que você tem já virou item de colecionador! rs

      Houve duas impressões dela, hoje totalmente esgotadas.

      Excluir
  6. Gostei da resenha como sempre. A capa é simples, mas a capa é dura (o que é muito bom)kkk. Participarei do sorteio sem duvidas *---*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa tem todo significado quando se lê o livro, Mylla.
      Ela não tem as imagens produzidas dos livros atuais mas, é um show à parte depois que se lê o livro.
      Eu achei a capa linda: antiga, rebuscada, de material de primeira linha.
      :;
      beijos em você, minha linda.

      Excluir
  7. Gostei muito da resenha, e só por ler os trechos do livros fiquei muito curiosa para ler o restante. Além disse, ameeii a capa *-* haha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. opinião compartilhada comigo, Larissa!
      ;)

      Excluir
    2. Larissa, dá para ler mais um pouquinho aqui: http://livrarialimitrofe.blogspot.com.br/search/label/degusta%C3%A7%C3%A3o

      Excluir
  8. Que show!! Realmente é inovador, vou coloca-lo na minha meta de leitura! Concordo com vc quanto como se deve "saborear" o livro, principalmente este, que tem uso de metáforas e por isso nos faz refletir. Bela resenha :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Larissa,
      Feliz que tenha gostado da resenha e do livro!
      :)
      Se tiver oportunidade de por as mãos nele, me conte o que achou.
      beijo carinhoso.

      Excluir
  9. Eu amei a resenha! á realmente um livro totalmente diferente dos que já havia conhecido, as ilustrações são tão fofas! Muito bom , espero ler em breve, já está na lista!
    Um abraço. Amanda Ramos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amandinha...
      me conta depois o que achou, minha linda.
      beijoconas
      :)

      Excluir
    2. A ilustradora é a Carolina Mancini, que também foi minha parceira no livro Fúria Lupina - América Central (fez a capa e a ilustração interna).

      Excluir
  10. Muito boa a resenha, me despertou uma curiosidade louca a cerca desse livro! Sinto que vou me apegar a ele... espero lê-lo o mais breve possível!!!
    BJOOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem como não se apegar, Ray.
      é um daqueles livros que não se vende, não se troca... só se empresta a alguém amado.
      *smack*
      ;)

      Excluir
  11. Tive a felicidade de tirar uma foto com ele e ter meu livro autografado na esquina de casa (sim, minha gente, moro a uma quadra de uma livraria). Muito simpático, muito gentil e imensamente criativo. Ainda estou no processo de degustação do livro e estou amando cada segundo. É muito muito belo. O Alfer foi mais do que feliz quando criou esta história... digo, relatou, porque na verdade todos os leitores a vivem.

    Concordo com você, absolutamente. Parabéns ao Alfer, fico feliz de poder ter visto o cara que imaginou o balcão de livraria mais lindo da face da terra :')

    Ótima resenha!

    Beijos
    Letícia (www.outroporfora.com)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Letícia!!!!
      Você é uma super sensível! Gostaria de ter a felicidade de conhecê-la pessoalmente e conversar sobre os livros.
      Sem dúvida: o Alfer é sensacional! Uma amiga (Marcia Cogitare) já havia comentado que ele era muito bacana, mas só tive a certeza só depois de ler o livro.

      beijo grande em você!
      :)

      Excluir
    2. Letícia, o evento aí em Santos foi excelente!

      Excluir
  12. Poxa, que resenha! Adorei... e estou encantada com o livro, mesmo sem ter lido ainda... espero ter a oportunidade! bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, linda da Telminha.
      Eu desejo esse livro em suas mãos. Então, se não for pelo sorteio, adquira-o. Sei que vai amar.
      Muitos beijos.

      Excluir
  13. Quero muito esse livro... O ditado diz que não podemos julgar um livro pela capa, mas convenhamos que a capa exótica já chama atenção. E o conteúdo não deve deixar a desejar. Ainda que eu não ganhar o sorteio, vou fazer questão de ter esse livro na minha estante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mallu,
      eu já lhe disse que gosto de sua inteligência? Não né? Só falei que você era bonita fisicamente. Pois bem... pelas suas observações vejo as duas belezas.
      Sua lindaaaaaaaaaaaa!
      beijão
      :)

      Excluir
  14. Conheci o autor em um evento uma vez, conversei bastante com ele e percebi que é uma pessoa bem inteligente, logo imagino que o livro dele tb seja ótimo. Pelo menos vc gostou bastante né?
    Aiai capa dura?! Amo livro de capa dura, pena que as editoras aqui do BR não invistam em hardcover =P

    miquilis: Bruna Costenaro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna,
      Capa dura é um luxo só!!!!! Esse livro é um luxo só!
      Conhecendo o autor, tenho certeza de que você vai revê-lo nas folhas do livro.

      beijos em você!

      Excluir
  15. Telmaa! Tem parceira mais querida e amável do que você?
    Não sabe a felicidade que fiquei em saber que lembrou de mim enquanto você lia o livro. Eu não consigo acreditar que a personagem (ou melhor dizendo, você) conversou com o ilustre, inteligente, perspicaz e curioso detetive Hercule Poirot! Isso já me deixa muito feliz e me trás uma curiosidade ENORME de ler o livro! Livraria Limítrofe já conseguiu me fisgar e me hipnotizar. Agora quero saber tudo sobre a história do livro - a livraria, os personagens, a capa em si, o autor, tudo e tudo! Como é bom saber que existem livros que conseguem nos fazer pensar e raciocinar, nos emocionar e comover! Alfer deve ser um ótimo autor, quero conhecer mais sobre sua forma articulado de escrever o quanto antes! E essa capa dura? Não sei se tem como explicar, mas quando a olho só penso em "conhecimento".
    Sua resenha não ficou nada confusa, Telma, está perfeita! A cada dia você se supera mais!
    Quero mandar um grande abraço tanto para você quanto para o autor! Que o sucesso seja frequente na vida de ambos!
    Bj bj! :D =D7 :-bd
    Vini - Um Jovem Leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vini,
      Você é um lindo!
      Ainda quero lhe dar esse abraço pessoalmente. Quem sabe em algum evento literário aqui em Sampa ou aí na sua belíssima cidade!
      Lembrei de você na hora em que li "meu capítulo"!!!
      Obrigada pelos votos, parceiro queridão!
      *smack*
      :)

      Excluir
    2. É engraçada essa questão dos detetives, pois os dois mais fáceis de identificar o pessoal descobre (HP e SH). Porém, há um terceiro que pouquíssimos conseguiram...

      Excluir
    3. Eu consegui! eu consegui!!!
      Mencionei o HP por causa do Vinicius e não contei dos outros pra resenha não se estivar demais!
      Eu consegui! Eu consegui!
      :D

      Excluir
  16. uau, havia lido algumas partes da resenha no meu email mas não pensei que fosse tão interessante assim ... ahushaushuahs
    muitos mistérios envolvem esse livro pelo jeito e o livro em si é lindo, o que chama mais atenção ainda :s :*

    beeijoo!! ótimo liivro :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que você veio até aqui pra ler a resenha toda! ;)
      Por favor, se tiver a oportunidade de ler... e espero que tenha, diz pra gente o que achou, tá?
      Super beijo.
      :)

      Excluir
  17. O Livro parece ser muito bom haha, gosto desse tema nos livros, vai para a lista de livros para ler esse ano, hahaha.

    Beijo :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ;)
      Essa nossa lista só cresce, né Nicolas?
      beijo em você tambpem. :)

      Excluir
  18. Oi Telma!!!
    Que lindo! Achei fantástico, parece ser bem diferente mesmo :)
    Adorei a resenha, amei o tira gosto que vc deu pra gente, quero muito ler! E a capa um luxo.
    Parabéns ao autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi Fê!
      O livro é um luxo mesmo... sem contar que é uma aventura fantástica (em todos os sentidos da palavra).
      beijos em você, linda!

      Excluir
  19. Já faz tanto tempo que não leio um livro de capa dura! Surpresa agradável essa! Gostei imensamente da resenha e pelo que pude ler e entender, a história parece-me ser bem interessante. Aliás, essa é a primeira resenha que leio sobre o livro.

    ResponderExcluir
  20. OMG, Telma!! Que livro lindo, preciso dele urgentemente, parece perfeito demais, eu quero, eu quero!!

    ResponderExcluir
  21. Nooooooossa esse livro parece ser demais!! Virou meu sonho de consumo do mês!!!

    ResponderExcluir
  22. Nossa , simplesmente ESPETACULAR esta resenha . Adorei

    ResponderExcluir
  23. Meu Deus, preciso muito ler este livro!!! Eu não tinha lido nada a respeito ainda, mas você me deixou com uma necessidade premente de lê-lo hoje, agora, neste instante!!!! Vai para o topo da minha lista de livros... não é grande, acho que dá pra começar e saber o final assim, numa tarde não é?

    Beijos!!!

    http://entreresenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  24. Aparenta ser um otimo livro! Bora ler!

    ResponderExcluir
  25. Tenho a dizer que tive o mesmo sentimento em relação ao capítulo que aparece o H.P.: que foi escrito para mim, pois também adoro esse detetive.

    ResponderExcluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

Vai ser muito bom saber o que você achou dessa postagem!
Opine!